Nada…

Sabe quando você quer iniciar um texto? Começa-o várias vezes… escreve algumas linhas, para, lê o que escreveu, e apaga tudo? Então… Mais ou menos dessa forma que estou agora… Mas, simplesmente, resolvi escrever, agora, qualquer coisa que me viesse a cabeça. Obviamente, tomando os devidos cuidados para não escrever nada comprometedor (rs!).

E, sinceramente, sabe o que me vem a cabeça nesse exato instante? NADA!

Anúncios

Um comentário sobre “Nada…

  1. Marina disse:

    “Gastei uma hora pensando um verso
    que a pena não quer escrever.
    No entanto ele está cá dentro
    inquieto, vivo.
    Ele está cá dentro
    e não quer sair.
    Mas a poesia deste momento
    inunda minha vida inteira.”

    [Carlos Drummond de Andrade]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s